segunda-feira, 17 de junho de 2013

A Noite Escura da Alma





 

PERGUNTA: Mestres, por favor, discorram sobre o propósito e o valor da experiência mística conhecida como “A Noite Escura da Alma”. Não como comumente confundida com a simples depressão ou tristeza. A devastação da auto-identidade, e o potencial que isto pode revelar. - Mark, Austrália.

 RESPOSTA: O processo natural chamado de “a noite escura da alma”, é uma batalha entre o Eu Superior, a essência da alma e o ego. Quando a alma encarna em um corpo, ela mergulha na sociedade do ego e é criada para aceitar que o julgamento é a única maneira de avançar na vida.

Quando as pessoas alcançam um ponto onde nada que controlou a sua existência faz mais sentido para elas, passam por um período de extrema dor e desorientação. Elas sentem que não pertencem, e que tudo e todos estão contra elas. Elas podem tentar se reconectar com a energia da Fonte para reunir a sabedoria de sua alma, que foi esquecida no nascimento, ou podem simplesmente lutar contra o mundo, expondo-se à negatividade.

O primeiro sintoma que aparece é a depressão – nada parece se encaixar. A depressão é uma perda de todas as impressões sobre a maneira com que a vida deveria ser, resultando em uma lousa em branco. Tudo está em conflito, porque a sua identidade específica foi perdida.

Para enfrentar a noite escura, deve-se lutar para criar uma nova compreensão da razão para a sua existência. Isto pode se transformar em um profundo esclarecimento e conexão com o eu superior, ou pode-se transformar em um indivíduo com emoções negativas e culpando o mundo pela condição.

As pessoas não podem evoluir sem aceitar a total responsabilidade pela sua vida. Com a aceitação vem o conhecimento do por que as lições escolhidas as tornaram quem são nesta vida. Passar pela noite escura transforma os sofrimentos e tribulações que a precedem na sabedoria das lições concluídas.

Almas que escolheram muitas lições para uma existência podem ser confrontadas com mais do que uma noite escura da alma. A maior parte suporta somente uma, durante uma encarnação. E muitas almas nunca têm a experiência porque elas não escolheram ensinamentos extremamente profundos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente esse texto